Poesia - Depoimento Felino - por J.B.G

Depoimento Felino

4.75 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 Votes 4.75 (2 votes)

Soy un bon vivant, esbelto, senhor de mim por completo,
pulo alto, flexível, um esperto incorrigível,
não espere, chego de repente, perco fácil a hora,
a sombra da lua a vagar nos telhados afora.

Ancestrais selvagens africanos, autêntica linhagem, não cometa enganos,
nunca fui bola de pelo, ritualizaram os coitados de brilho preto,
traficavam meus irmãos, até quando fui Deus, mumificaram por louvor,
sobrevivente, imponente, independente, só finjo ser carente.

Caçadores insuperáveis, silenciosos, ardilosos, manhosos,
não há presa que desapareça, as unhas são lâminas de espadas,
passarinhos, ratos, até lagartixas, cabem todos dentro da barriga.

Persa, Siamês, Angorá, de pelo curto, enrolado, colorido, tudo é disfarce, servo amigo,
tenho o mundo aos meus pés, basta, dilatar as pupilas, brincar na caixinha, miar baixinho,
sou rei, a casa é um castelo, chega de prosa, humano, sirva a ração, só tem um farelo.

Poesia por J.G.B

Pintura Digital "The Hermitage Court Moor" por Eldar Zakirov

Tags: bon vivant gato felino rei independente selvagem caçador

Poesias que podem te interessar...

Gostou? Compartilhem as poesias flutuantes e lembrem-se deste humilde pseudo poeta como autor, eternamente agradecido.

Pode escrever,

  • Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

POESIAS FLUTUANTES 2019 | Todas as poesias são autorais de J.G.B @ All rights reserved. As pinturas contidas neste site são de autoria de outros artistas, todos devidamente com créditos mencionados e linkados. Background Art by Akiane Kramarik

JGWEB - Criação de Sites